29.7.13

Day by Day VIII

1.

No local onde trabalho, uma grande parte dos clientes são estrangeiros.
Cada semana chegam grupos enormes, ansiosos por conhecer Portugal e claro fazer compras.
Sou abordada por pessoas de todo o mundo e sinceramente adoro. O que complica é quando não sabem falar inglês (já nem me refiro ao português), é uma missão quase que impossível para compreender!
Os que por norma não sabem falar inglês são os Franceses, que nem se esforçam minimamente e não são nada simpáticos e depois temos os russos. Os russos são um povo completamente diferente de nós, e tenho uma coisa para vos contar sobre um casal da Rússia, especificamente Moscovo.


O casal havia chegado, muito sérios, sem esboçar um único sorriso vieram ter comigo para experimentar roupa. Roupa experimentada, gostaram e iam para pagar, sabendo que os Srs. são turistas e tem direito a desconto na compra quis ajudar, mas infelizmente (ou não) isso  não pode ser tratado por mim. O problema foi mesmo explicar que tinha direito ao desconto e como havia de fazer. Desisti, pedi aos Srs. para me acompanhar e assim os levei. Voucher feito, voltamos para a minha loja, compra efectuada e a cara com que se foram embora era totalmente oposta, com um grande sorriso no rosto ( sabe tão bem).


Ontem estava na loja e aparecem os Srs. , que festa que eles fizeram ao me verem ! Escolheram mais coisas, pagaram (desta vez já vinham com o voucher) por curiosidade perguntei se estavam a gostar de Portugal, num inglês meio arussado (Lol) disseram que estavam a adorar, mas que já se

Iam embora dentro de dois dias.  Seguidamente o Sr. diz algo que da primeira vez não consegui decifrar, pedi para repetir e ouvi isto: "Welcome to Moscow" e eu em tom de brincadeira disse que não tinha dinheiro. O que se seguiu nunca pensei em ouvir.... "  We pay to you, write your number in a paper" eu até poderia pensar que era brincadeira, aliás, ao início pensei mesmo que sim, mas a expressão séria na cara deles era evidente. Disse-me isso 2 vez e deu-me um papel para eu apontar (tanto ele como a sra. disseram isso) fiquei sem jeito, sorriso e agradeci, mas disse que não podia. 

Sorriram para mim, agradeceram novamente, até um dia :) 
.
2.

Estava a falar ao telemóvel enquanto esperava pelo autocarro. Não estava muito bem disposta, estava a discutir. Quando desliguei a chamada, coloquei os phones nos ouvidos, estava num mundo  à parte, super mal disposta...quando reparo estava um rapaz ao meu lado a tentar falar comigo. Tirei os phones, respirei fundo e perguntei:" Diga?" o rapaz responde: " Sabes os horários dos autocarros?" respondi que não  e voltei a colocar os phones. Novamente reparei que ele estava a falar, respirei fundo, tirei novamente os phones e mais uma vez perguntei: " diga?" e o jovem: " diz-me o teu nome" eu olho para ele, respiro fundo e  viro a cara. Repetiu essa frase por três vezes e a minha resposta foi esta : "Mas está a gozar comigo? É preciso eu sair daqui?" mais uma vez perguntou  o meu nome, levantei-me, respirei fundo para não me  passar e fui para outro canto.

10 comentários:

  1. Linda os franceses não se esforçam minimamente para falar outra lingua, pelo menos os do sul pq os do norte são mais acessiveis. Conheço ambos e foi com essa opinião que fiquei quando estive em França.

    Bj!

    ResponderEliminar
  2. Beeemmm que história. Ele tanto podia estar a ser amável e generoso como podia ser da Máfia XD.
    xoxo
    K.

    ResponderEliminar
  3. sabe tão bem quando as pessoas nos tentam recompensar por o nosso trabalho! Sabes o que demonstra essa atitude dos senhores? Que és uma óptima profissional, e mereces todas as recompensas do Mundo! :)
    beijocas*

    ResponderEliminar
  4. Que história tão cool,é bom ter surpresas dessas!!Há pessoas que nos conseguem surpreender pela positiva,mesmo quando não temos qualquer tipo de laço com as mesmas.bjs

    ResponderEliminar
  5. Eu por aqui até agora sempre se ajustou o inglês mas os franceses sim senhora esses sim e como tu dizes nem se esforçam, quando lá vamos eles nao falam o português mas cá querem que todas as pessoas falem o francês enfim... Pior quando são emigrantes e cá só falam francês para serem chiques :|
    Mas estás a ver que a simpatia é sempre bem recompensada :D Ias à russia assim de borla, mas se calhar já lá ficavas que eles gostaram tanto de ti :D heheheh

    Beijocas *

    ResponderEliminar
  6. Olá querida!
    Convidei-te para receberes um selo no meu blog, espero que o faças e caso decidas mesmo fazê-lo, avisa-me para ler as respostas! :)
    O link é este: http://run-your-world.blogspot.pt/2013/07/selo-versatile-blogger.html

    Beijinho
    Ana

    ResponderEliminar
  7. É a primeira vez que estou a visitar o teu cantinho e tenho de te confessar que já estou uma "viciada" eheh, tens aqui uma blog excelente o design está fantástico. Continua com este maravilhoso trabalho!

    With love, Bárbara
    www.preppylemonade.com

    ResponderEliminar
  8. Esse casal é de outro planeta, nem é de outro País, que queridos! E não disseste o nome ao rapaz, porquê? :p

    Nobre Sonho

    ResponderEliminar
  9. Não é qualquer pessoa que tem jeito para trabalhar com o público...ter o profissionalismo de ser simpática e manter o sorriso mesmo qd nem sempre temos vontade...os senhores foram muito simpáticos mas para o que era fica sempre bem recusar...imagina que eram da máfia?loool beijinho*

    ResponderEliminar