19.2.14

Sometimes It's Better To Stay In Ignorance

PT

Ontem parecia ser um dia completamente normal, mas enganei-me, e mal eu sabia.
Acordei, levei a Kimara a rua, arranjei-me, agarrei no almoço e sai de casa. Não consegui apanhar o autocarro que apanho habitualmente, mas estava descansada, pois chegava a tempo à mesma. Cheguei à Póvoa de Santa Iria para apanhar o comboio, estava atrasado,(para não variar) passado quase 7 minutos de atraso ele aparece. Entrei, sentei-me, tirei os phones e lá ia eu a ouvir a música no máximo.
Chegando à estação de comboios da Bobadela reparei que alguma coisa não estava bem, estranhei...mas continuei sentada, até que vejo todas as pessoas a saírem do comboio....pensei que o comboio teria avariado. Levanto-me, e quando vou para sair reparo que todas as pessoas estavam a olhar para a parte de baixo do comboio, conforme pouso o primeiro pé na estação retiro os phones, olho na direcção de todos aqueles olhares....lembro-me perfeitamente de ouvir a voz de um homem a dizer: "ele ainda está a respirar".
Só vos posso dizer que naquele preciso momento o meu coração parou, senti-me tão perdida....estava um Sr. por baixo do comboio....entrei em desespero, comecei a chorar e fugi daquela linha. Entrei em pânico, perdi o controlo, parecia que tudo estava à roda à minha volta, as lágrimas não paravam de cair e o pior de tudo era a raiva que aquela gente curiosa me estava a dar.
Todas as pessoas olhavam para mim a chorar, pareciam não compreender aquelas lágrimas...revoltou-me profundamente todo aquele aparato. Não me sai da cabeça a imagem do homem por baixo do comboio, dos poucos segundos que olhei recordo-me perfeitamente de todos os pormenores ,arrepio-me, e sinceramente não fiquei bem depois disso.
Sabem o que me assusta mais? É que eu estava nas ultimas carruagens, ou seja, cinco ou mais carruagens passaram por cima....não percebi se foi suicídio, se foi acidente, tentei pesquisar na internet e nada aparece.....não estou bem e foi horrível para dormir, fartei-me de sonhar e de acordar....gostava de ter conseguido apanhar o autocarro anterior.


EN

Yesterday seemed like a completely normal day, but I was wrong , and I barely knew .
I wake up, took Kimara, grabbed lunch and leaves home . I can't catch the bus that usually catch , but I was ok, because arrived on time to work. I got to Póvoa de Santa Iria to take the train, was late, ( completely normal ) spent almost 7 minutes late it appears. I walked in, sit down , took off my phones and I was there hear the music.
Arriving at the train station of Bobadela noticed that something was not right , it strange ... but I kept sitting until I see all the people out of the train .... I thought that the train have broken . I get up , and when I go out I notice that all people there was looking at the underside of the train. As landing the first leg, retreat phones , eye towards all those looks .... I remember perfectly the voice of a man saying : " he still breathing ."
I can only tell you that in that precise moment my heart stopped , I felt so lost .... was a man underneath the train .... I went in desperation , I started crying and ran to the other line. I panicked , lost control , it seemed that everything was on the wheel around me , the tears kept falling and worst of all was the anger that curious people were giving me .
All the people looked at me crying , didn't seem to understand... Sticks in my head the image of the man underneath the train, the few seconds that I looked I remember every detail perfectly, and honestly I was not ok after that.
Know what scares me the most ? I was in the last carriage, so five or more carriages passed over .... I don't know if it was suicide, or an accident, I tried to search the internet and nothing appears ..... I'm not well and it was awful to sleep, I got tired of dreaming and waking .... liked to have been able to catch the earlier bus.





9 comentários:

  1. Que história horrível :( Tenho pena que tenhas que ter assistido a isso..eu só de ler as tuas palavras fiquei toda arrepiada. É triste muito triste..nem sei que dizer.. mas compreendo as tuas lágrimas (sempre ouvi dizer..quem não se sente não é filho de boa gente) Beijinhos e espero que esta noite possa ser mais tranquila

    ResponderEliminar
  2. que cena.. eu também odeio quando as pessoas fazem de palteia.. irrita-me tanto o povo português, em vez de ajudar, não ficam a olhar. nem quero imaginar o que estavas a sentir.. parece mistério, como dera, conta dele.. alí debaixo.. ha coisas que não tem explicação..

    ResponderEliminar
  3. nao me imagino a passar por isso.. :S e la esta, o povo sempre curioso, e se for preciso sem fazerem nada..

    ResponderEliminar
  4. Que horror :(
    Eu moro mesmo em frente a uma linha de comboio e só vi 1 vez e foi da janela, e era criança, mas deve ser algo assustador :S

    ResponderEliminar
  5. Wow.. sem comentários...
    Espero que recuperes, força <3

    Beijinhos xx

    ResponderEliminar
  6. Bem... que horror! Coitado do homem, e tu deves ter ficado mesmo traumatizada.
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  7. Que horror! Força! Pensa em coisas positivas!
    Bjos
    http://estilohedonico.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  8. Que horror! Nem tenho palavras...a curiosidade macabra das pessoas também é algo que não percebo! Deve ser uma situação bem traumatizante e consigo perceber o teu desespero... muita força!!! beijinho

    ResponderEliminar